A RIF Labs lança o RIF OS sobre a rede RSK (baseada em Bitcoin), dando
mais um passo rumo à concretização da Internet de Valor

O Bitcoin foi criado para proporcionar liberdade econômica às pessoas e, em nossa visão, também definiu as bases para a construção de uma nova Internet para a transferência de valor. O RIF OS e a RSK – a rede de contratos inteligentes que serve de base para o padrão aberto – compartilham a mesma visão que, quando concretizada, trará prosperidade e igualdade para todo o mundo.

Um dos principais obstáculos para alcançar essa visão é a distância significativa entre as tecnologias essenciais, em nível de protocolo, e os desenvolvedores que querem construir sobre o incipiente ecossistema de blockchains. Até mesmo desenvolvedores experientes podem precisar passar por um processo de aprendizagem intensa para criar aplicativos distribuídos (“dApps”), enquanto aqueles que já estão familiarizados com a tecnologia podem se desanimar com a demora no desenvolvimento e a complexidade da integração de múltiplos tokens e protocolos.

Lançado hoje, o RIF OS (Padrão Aberto da Abordagem de Infraestrutura de Raiz) tem como objetivo reduzir essa distância. RIF OS é uma solução completa que permitirá que aplicativos blockchain distribuídos, provenientes de diversas redes, possam ser implementados com muito mais facilidade, rapidez e escalabilidade, dando um passo importante rumo à concretização da Internet de Valor.

Os três principais componentes do comunicado de lançamento do RIF OS incluem a integração da RIF Labs com a RSK Labs, a publicação de Protocolos RIF OS e o lançamento da primeira implementação do Protocolo Diretório RIF (Serviços de Nomenclatura RIF).

RIF e RSK se unem para fornecer um ambiente de desenvolvimento seguro, flexível e unificado

A RIF Labs celebrou um contrato para a aquisição da RSK Labs. Com essa aquisição, a RIF Labs assumirá o controle do desenvolvimento e suporte comunitário tanto da RSK Smart Contract Network quanto dos Protocolos RIF OS.

A rede RSK baseia-se nas seguintes premissas: 1) o Bitcoin é e provavelmente continuará a ser a rede e moeda mais segura e amplamente adotada; 2) a Ethereum criou o ecossistema de contratos inteligentes mais maduro e ativo da atualidade, tanto em termos de quantidade de aplicativos como de desenvolvedores; e 3) a RSK combinou ambas as plataformas para reunir o melhor desses dois universos. O resultado é uma máquina virtual compatível com Ethereum e protegida pela rede mais segura do mercado.

Complementando essa estratégia, os serviços RIF OS foram implantados sobre a rede RSK (também conhecida como Rootstock). Os protocolos RIF OS agregam valor e estendem a funcionalidade de todo o ecossistema, proporcionando aos projetos acesso a uma variedade de serviços de infraestrutura peer-to-peer descentralizada, incluindo desde pagamentos até armazenamento, e acelerando drasticamente o tempo de colocação no mercado.

Para mais detalhes sobre a rede RSK, acesse:

Home

https://docs.rsk.rifos.org/

Protocolos RIF OS

Os protocolos RIF OS implantados sobre a rede RSK (também conhecida como Rootstock) agregam valor e estendem a funcionalidade de todo o ecossistema, proporcionando aos projetos acesso a uma variedade de serviços de infraestrutura peer-to-peer descentralizada, incluindo desde pagamentos até armazenamento, e acelerando drasticamente o tempo de colocação no mercado.

O Protocolo RIF OS permite que engenheiros desenvolvam dApps com mais rapidez, por meio de interfaces de fácil uso e bibliotecas de idiomas que simplificam o uso da infraestrutura Blockchain.

Pagamento por esses serviços de rede e os pagamentos correspondentes serão feitos por meio do Token RIF, que permitirá aos desenvolvedores consumir todos os serviços integrados ao RIF OS sem interromper o fluxo de trabalho.

Os seguintes protocolos serão especificados no lançamento:

  • Diretório RIF: Aliases de fácil leitura para contas de criptomoedas e tokens, eliminando a complexidade do compartilhamento de endereços de blockchain.
  • Pagamentos RIF: Proporciona acesso a redes de processamento de pagamento de alta velocidade, baixo custo e fora da rede.
  • Armazenamento RIF: Acesso a redes de armazenamento seguras, descentralizadas e confiáveis.
  • Canais de Comunicação RIF: Padrões para proteger e estabelecer canais de comunicação seguros.

Ao facilitar o acesso à infraestrutura blockchain para desenvolvedores e empresas, os Protocolos RIF OS simplificam também o acesso para os respectivos usuários e comunidades, abrindo o caminho para a adoção em massa.

Para mais detalhes sobre a Arquitetura RIF OS, acesse:

https://docs.rifos.org/rif-directory-protocol-pt.pdf

Diretório RIF e Serviço de Nomenclatura RIF

O RIF Name Service (ou “RNS”), primeiro serviço a usar o Protocolo Diretório RIF, está disponível no lançamento.

Acreditamos que, para os ecossistemas descentralizados serem mais úteis para pessoas comuns, o acesso a eles deve ser simplificado. Para criar sistemas mais inclusivos (ex.: micropagamentos, etc.), não podemos esperar que o usuário comum compreenda e compartilhe endereços de rede convencionais. Afinal, recortar e colar endereços de carteira hexadecimais é complicado, e tentar escrevê-los é uma tarefa propensa a erros. Assim como o sistema de nomes de domínio substitui os confusos números de protocolo da internet com nomes de fácil memorização, os serviços baseados em blockchain também devem receber nomes que fluam com naturalidade. Essa é a diferença entre 0x656e72792073726169676d616e e maryswallet.rif.

O RNS oferece: Uma maneira fácil de apontar o caminho para a vasta gama de serviços que o RIF OS pode proporcionar, além do benefício adicional de tolerância a erros e descentralização – afinal, não é necessário coagir um registrador ou gerente de serviço de nomes.

Resumindo, o progresso e a maturação da criptocomunidade dependem em grande parte de garantir que 1) os desenvolvedores tenham uma fonte única para construir aplicativos poderosos de blockchain com rapidez; e 2) esses aplicativos estejam muito próximos da adoção em massa. O RIF OS dará essa resposta – e estamos ansiosos para desenvolver esse futuro com você!

Para mais detalhes sobre o Protocolo Diretório RIF e os Serviços de Nomenclatura de Raiz, acesse:

https://docs.rifos.org/rif-directory-protocol-pt.pdf

https://docs.rns.rsk.co/rif-name-service-specification-pt.pdf